IMG_4848.jpg

Cirurgia do Refluxo Gastro-Esofágico

A doença de refluxo gastroesofágica (DRGE) é comum, ocorrendo em 10% a 20% dos adultos. .
Na doença do refluxo gastroesofágico o conteúdo gástrico, ácido, retorna do estômago para o esôfago, o que provoca inflamação no esôfago e dores na parte inferior do tórax (epigastralgia, azia). Outros sintomas também são frequentes como: eructações (arrotos), regurgitação, vômitos, dores de garganta e até sinusites e pneumonias.
O refluxo acontece quando há um funcionamento inadequado do esfíncter esofageano inferior, que normalmente impede que o conteúdo gástrico retorne ao esôfago. Pode ser também por uma hérnia hiatal, um defeito no diafragma, fazendo com que o estômago migre para o tórax.
O tratamento envolve mudanças do hábito de vida ( evitar alimentos que diminuem a pressão no esfíncter esofageano inferior, como café, chocolate, etc e perda de peso), medicamentos e em casos selecionados cirurgia.